Accessibility informationSkip to the main content

História antiga

3000 AC

As provas arqueológicas mais antigas indicam a presença de colonos da Idade do Bronze.


Séculos V a VII DC

Jumeirah torna-se num ponto de paragem na rota comercial de Omã para a região do Iraque atual. Os principais produtos comercializados derivam da pesca, construção de barcos e pérolas.


Século XVI

Os portugueses trazem a sua influência europeia, juntamente com o seu interesse nas rotas comerciais da região.

História do Dubai do século XVIII ao século XX

1793

Um período de disputas tribais e políticas. A tribo Bani Yas assume o poder político, estabelecendo-se em Abu Dhabi.


1820

As negociações entre os governantes locais e os britânicos resultam numa série de tréguas marítimas. A zona torna-se conhecida por “Trucial Coast” (Costa das Tréguas).


1833

Maktoum Bin Butti, da tribo Bani Yas, estabelece-se na Península de Shindagha na foz do Creek, declarando a independência da cidade em relação a Abu Dhabi. A sua dinastia ainda governa o Dubai.


Década de 1870

Com uma indústria de pérolas próspera, o Dubai torna-se no principal porto da costa do Golfo.


1902

O Dubai assiste a um aumento da migração de comerciantes iranianos e colonos árabes. Segue-se um período próspero de comércio local e internacional, e o Dubai cria os maiores souks na Arábia.

História do Dubai no início do século XX

Década de 1950

Descoberta de petróleo nos Estados da Trégua.


Década de 1960

O crescimento da população indiana e paquistanesa no Dubai dá nova vida ao mercado têxtil e aumenta o comércio do subcontinente indiano.

História moderna do Dubai

1966

Quando foi descoberto petróleo no campo petrolífero de Fateh, o Dubai assiste a um momento de reviravolta na sua história.


1971

Os Estados da Trégua de Abu Dhabi, Dubai, Sharjah, Ajman, Umm Al Quwain e Fujairah formam os Emirados Árabes Unidos e juntam-se à Liga Árabe. Ras al Khaimah junta-se um ano mais tarde. É inaugurado o Aeroporto Internacional do Dubai.


1979

Duas grandes inaugurações, o porto de Jebel Ali e o Dubai World Trade Centre. É o primeiro arranha-céus da cidade e estimula uma longa linha de projetos arquitetónicos ambiciosos.


1985

Primeira operação de um voo da Emirates. A Zona Franca de Jebel Ali é inaugurada, atraindo grandes investimentos estrangeiros.


1996

A corrida de cavalos Dubai World Cup é organizada pela primeira vez. Lançamento do Dubai Shopping Festival.


1999

O hotel Burj Al-Arab é inaugurado e é considerado como o único hotel de sete estrelas do mundo.


2002

O Xeque Mohammed inaugura duas zonas do Dubai: Internet City e Media City, e disponibiliza o mercado imobiliário em zonas selecionadas a proprietários privados estrangeiros.


2003

Começam projetos ambiciosos, incluindo a torre mais alta do mundo, o Burj Khalifa, e 300 ilhas artificiais, as World Islands.


2009

Lançamento do Emirates Terminal 3 e Metro do Dubai para dar resposta ao crescente tráfego aéreo e rodoviário.


2010

O Burj Khalifa torna-se na estrutura artificial mais alta do mundo, com uma altura de 830 metros.


2013

O Dubai e os EAU comemoram a sua vitória no sorteio da organização da World Expo 2020.


2016

O Xeque Mohammed inaugura o Dubai Water Canal, que segue desde o Dubai Creek através da cidade, até ao Golfo Árabe.


2018

É inaugurado o Dubai Frame, com 150 metros de altura, no Parque Zabeel, proporcionando vistas panorâmicas da cidade antiga e dos modernos arranha-céus.