Informações de acessibilidadePular para o conteúdo principal
Sheikh Ahmed

Mensagem do Presidente

Sua Alteza, o Sheikh Ahmed bin Saeed Al Maktoum, fala sobre sustentabilidade ambiental para o Emirates Group.

Leia mais

  • Sustentabilidade nas operações

    Estamos trabalhando em toda a nossa empresa para minimizar o desperdício e maximizar a eficiência, tanto no ar como em terra.
    Saiba mais
  • Política ambiental

    Saiba mais sobre a abordagem holística do Grupo Emirates em relação a sustentabilidade e ecoeficiência.
    Saiba mais
  • Relatórios ambientais

    Leia nossos relatórios anteriores sobre desempenho ambiental.
    Saiba mais

Animais silvestres 

Como uma das maiores empresas da indústria da aviação mundial, mantemos o compromisso de fazer uma diferença positiva no combate ao comércio ilegal de animais silvestres e concentrar nossos recursos no apoio a essa causa. Temos tolerância zero em transportar espécies proibidas, troféus de caça ou quaisquer produtos associados a atividades ilegais da vida selvagem. 

Nossos colegas de assistência em terra são treinados no Regulamento de Animais Vivos da IATA e em nossas políticas internas sobre transporte de animais selvagens. Nossos funcionários da linha de frente são treinados para reconhecer e relatar cargas suspeitas. Nós criamos um canal de denúncia especializado para capacitar nosso pessoal e parceiros a interromper o comércio ilegal, sinalizando informações confidenciais que podem proteger espécies ameaçadas. Lançamos campanhas internas em toda a organização para criar conscientização. Nós também envolvemos nossos clientes apresentando regularmente entrevistas, programas de vida selvagem e filmes no ice, nosso sistema de entretenimento a bordo e artigos na Open Skies, nossa revista de bordo. Cinco de nossas aeronaves A380 apresentam animais ameaçados pela caça furtiva, ajudando a aumentar a conscientização sobre o problema nos aeroportos de todo o mundo e entre os milhões de passageiros que transportamos todos os anos em nossa rede. 

United for Wildlife

Combate ao comércio ilegal de animais silvestres

Como parte de nossa posição contra o comércio ilegal de animais silvestres, assinamos em 2016 a Declaração do Palácio de Buckingham e nos juntamos à Força-Tarefa United for Wildlife Transport. A campanha, liderada pelo duque de Cambridge e pela Royal Foundation, trabalha com as principais instituições de caridade e transporte de animais selvagens do mundo para fechar as rotas exploradas por traficantes ilegais de animais silvestres e fortalecer nossas defesas no transporte e na alfândega contra o tráfico.

WTTC - O Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC - World Travel and Tourism Council) está liderando a indústria para combater o comércio ilegal de animais silvestres, e participamos ativamente de suas iniciativas. A Declaração de Buenos Aires é um compromisso de alcançar 1 bilhão de viajantes com a nossa mensagem e de trabalhar com as comunidades para desenvolver um turismo sustentável que proporcione meios de subsistência e proteja a vida selvagem. O WTTC e o World Wildlife Fund estão desenvolvendo diretrizes para eliminar o tráfico ilegal de animais silvestres de nossa cadeia de suprimentos. 

Cronograma 

2015 Viramos parceiros da ROUTES (Redução de oportunidades para transporte ilegal de espécies ameaçadas de extinção) para combater o tráfico ilegal de animais silvestres. Anunciamos o apoio ao United for Wildlife com a imagem de animais selvagens em dois A380 e introduzimos a proibição de transportar troféus de caça feitos com elefantes, leões, tigres e rinocerontes. 

2016 Tornamo-nos signatários fundadores da Declaração do Palácio de Buckingham de 2016. Um modelo em escala 1:3 do nosso A380 com o adesivo especial de animais selvagens foi instalado no Aeroporto de Heathrow em Londres. Mais três A380 com imagens da vida selvagem subiram aos céus. 

2018 Assinamos a Declaração de Buenos Aires sobre viagens e turismo e comércio ilegal de animais silvestres.

Emirates unida na preservação da vida selvagem

Mantemos o compromisso de garantir que as futuras gerações poderão se deleitar com a vida selvagem em seu ambiente natural.