Accessibility informationSkip to the main content

Mudanças de pressão

Durante a descolagem e quando a aeronave estiver a subir, a redução na pressão do ar na cabine causa a expansão de gases. Os gases contidos podem expandir mais de 25% relativamente ao nível do mar. Quando a aeronave diminui a altitude, o volume de gás diminui. O ar preso em zonas do corpo como os seios nasais, ouvidos e intestinos pode causar desconforto.


Para diminuir os efeitos destas alterações de pressão no seu corpo, evite bebidas gaseificadas e alimentos que produzam gases, como feijões e couves, e evite dormir durante a última hora do seu voo para que possa bocejar, engolir ou apertar as orelhas de forma a equilibrar a pressão à medida que o avião desce.


O risco de problemas nos ouvidos e seios nasais aumenta se estiver congestionado devido a uma constipação. É aconselhável adiar o voo se estiver doente ou conversar com o seu médico, uma vez que medicamentos descongestionantes também podem ajudar.

Comidas e bebidas

Como a digestão desacelera quando o corpo está inactivo, a ingestão de alimentos leves propicia um voo mais confortável. Além disso, é melhor evitar o excesso de bebidas alcoólicas e bebidas cafeinadas como café e chá, porque agem como diuréticos e isso aumenta a necessidade de ir ao quarto de banho. Em vez disso, beba sumos e água com frequência para manter a hidratação adequada.

Exercícios a bordo

Para garantir o seu bem-estar durante e após um voo longo, experimente fazer estes exercícios no seu lugar, que também podem ser encontrados na revista de bordo, com intervalo de algumas horas:

  • Pés e tornozelos: faça movimentos circulares com os pés nos tornozelos, 20 vezes para cada pé.
  • Região glútea: levante uma nádega do assento, contraindo os músculos do lado erguido. Conte até 5 e solte. Repita o exercício 5 vezes para cada lado.
  • Joelhos: pressione os joelhos e coxas e contraia os músculos da região glútea. Conte até 5 e solte. Repita o exercício 5 vezes.
  • Pressões sobre as costas: pressione a região lombar contra o assento, permitindo que os ombros se projectem para a frente. Alterne pressionando os ombros contra o assento. Repita o exercício 5 vezes.
  • Ombros: com os braços estendidos nas laterais, faça movimentos circulares com os ombros para frente 10 vezes e depois para trás, também 10 vezes.
  • Cabeça: faça lentos movimentos circulares com a cabeça numa direcção e depois na outra. Repita o exercício 10 vezes.
  • Pressões sobre os pés: erga os calcanhares e pressione os dedos dos pés contra o chão, depois erga os dedos e pressione os calcanhares contra o chão. Faça o exercício 10 vezes para cada pé.

Enjoo

O enjoo é causado quando o sentido de equilíbrio do corpo não coincide com o que está a ser visto, e pode piorar durante as turbulências no voo. Caso você tenha propensão a sentir enjoo, recomendamos o seguinte:

  • Solicite um assento na janela, sobre as asas
  • Evite o consumo de álcool antes e durante o voo
  • Evite a desidratação bebendo água suficiente antes e durante o voo
  • Coma refeições pequenas e não condimentadas
  • Use roupas largas e confortáveis.
  • Mantenha os olhos fixos no solo, mar ou horizonte se o tempo estiver claro e permitir a visão
  • Concentre-se numa actividade e mantenha o seu cérebro activo (mas evite ler se isso piorar os seus sintomas).
  • Verifique a localização do saco de enjoo quando ocupar o seu lugar e mantenha-o à mão.
  • Converse sobre o uso de medicamentos apropriados com o seu médico. Vários outros medicamentos que não exigem prescrição médica podem aliviar enjoos.

Qualidade do ar da cabine

As nossas modernas aeronaves são silenciosas e confortáveis, com excelentes níveis de ventilação. Foi comprovado que o índice de troca do ar na cabine da aeronave é melhor do que o de prédios de escritórios e comboios e é comparável ao detectado nos centros cirúrgicos dos hospitais.


Além disso, por ser proibido fumar em todos os voos das Emirates, o nível de poluentes no ar é muito menor do que na maioria das ruas e prédios urbanos. Ar fresco é constantemente adicionado ao ar reciclado através de filtros finíssimos (HEPA) para remover 99,997% de toda a poeira, vírus, fungos e bactérias.


Contudo, o ar da cabine possui baixos níveis de humidade, o que pode causar um leve ressecamento da pele, nariz, garganta e olhos. Para minimizar os efeitos do ressecamento, recomendamos:

  • Evite bebidas alcoólicas e cafeinadas
  • Remova lentes de contato e use óculos durante o voo
  • Use um creme hidratante para a pele.

Assistência médica durante o voo

A equipe de cabina da Emirates tem formação em primeiros socorros, caso ocorram emergências médicas a bordo.


As nossas aeronaves são equipadas com kits médicos completos e desfibrilhadores para serem utilizados pelos comissários.


Alguns voos têm os mais modernos equipamentos de telemetria para que as equipes médicas em solo possam avaliar os pacientes enquanto ainda estão no ar. Observe que os passageiros devem arcar com os custos de quaisquer cuidados médicos de que possam necessitar em terra. Portanto, recomendamos vivamente a contratação de seguro de viagem total, com cobertura médica.

Trombose Venosa Profunda (TVP)

A Trombose Venosa Profunda (TVP) ocorre quando se forma um coágulo sanguíneo na parte inferior da perna. Não é perigosa, a menos que o coágulo se solte e chegue aos pulmões. A imobilidade é o maior factor de risco para a TVP e pode ocorrer após viagem de carro, autocarro, comboio ou avião ou mesmo depois de se sentar no cinema.


Na verdade, um relatório internacional da Organização Mundial de Saúde (o relatório WRIGHT) mostrou que não há aumento no risco para viajantes aéreos saudáveis comparado com imobilidade de mesma duração em outros meios de transporte. Siga estas recomendações gerais para o conforto a bordo e reduza o risco de desenvolver TVP:

  • Use roupas largas e confortáveis.
  • Coloque a sua bagagem nos compartimentos superiores, e não sob o assento à sua frente. Isso vai permitir-lhe esticar-se e realizar periodicamente exercícios aos pés e tornozelos.
  • Sendo a imobilidade um importante fator de risco de formação de TVP, é aconselhável realizar regularmente os exercícios recomendados e esticar as pernas ao ir e voltar dos lavabos.
  • Mantenha-se bem hidratado com a ingestão regular de sumos ou água, e evite bebidas alcoólicas e cafeinadas.

Algumas pessoas têm maior propensão a desenvolver TVP. Os factores de risco conhecidos associados à TVP são os seguintes:

  • Idade acima de 40
  • Cirurgia ou ferimento grave recente, que afecte principalmente os membros inferiores ou o abdómen
  • Imobilização recente durante um dia ou mais
  • Histórico pessoal familiar de TVP
  • Doenças que formam coágulos sanguíneos
  • Algumas doenças cardíacas
  • Doenças malignas
  • Tratamento hormonal que inclua pílula contraceptiva oral e terapêutica de reposição hormonal
  • Gravidez
  • Fumadores
  • Obesidade
  • Varizes.

Caso tenha algum desses factores de risco, deve procurar orientação médica antes de viajar e avaliar as seguintes precauções médicas possíveis:

  • Usar meias anti-embolias ou meias próprias para voos.
  • Medicação anticoagulação ou outras medidas profilácticas antes do voo.